Skip to main content

“O que fizermos nunca é suficiente”: a saúde mental no local de trabalho digital

Description

Com a pandemia da COVID-19 e o crescimento do trabalho digital e do teletrabalho, as pessoas têm vindo a sofrer um aumento dos sintomas de stress, ansiedade, depressão e fadiga. O que está a fazer o Parlamento para enfrentar esta crise da saúde mental? Além de propor fazer de 2023 o Ano Europeu da Saúde Mental, a autora do relatório, Maria Walsh, propõe soluções ao nível de toda a UE: em preparação estão novas diretivas sobre o direito a desconectar, um melhor equilíbrio entre o trabalho e a vida profissional.

Detalhes

Data do evento01/07/2022
Reference:N01AFPS220701MHDW